Descubra São Tiago

Ermida Nossa Senhora das Graças

Ermida Nossa Senhora das Graças

Em São Tiago, a prática de atividades físicas e a religiosidade, criaram um novo ponto turístico. Impulsionados pelo distanciamento social durante a pandemia, caminhantes e ciclistas descobriram a Ermida “Nossa Senhora das Graças”, mais conhecida como “Capela do Capão”, por fazer parte da comunidade rural do Capão Grosso.

A propósito, a palavra ermida é definida como uma capela de pequena dimensão, encontrada em lugares afastados da cidade. Neste caso, a distância é de cerca de 5 km. O caminho mais utilizado para chegar lá é na saída do Bairro Cidade Nova. A construção branca e azul se destaca na paisagem verde. Logo, diversas fotos foram espalhadas pelas redes sociais e despertaram a curiosidade tanto de moradores quanto de turistas. No entanto, a existência da Ermida “Nossa Senhora das Graças” é bem mais antiga. Segundo Tiago Eduardo de Paula, atual zelador do local, ela foi construída em 1962. Naquela época, muitas pessoas viviam no Capão Grosso e se uniram a fim de angariar fundos, através de leilões, para realizar missas em um santuário.

Com a migração do povo do campo para a cidade, a ermida permaneceu, mas caiu em desuso. A partir de 2009, o lugar passou por reformas e, em 2016, voltou a ter celebrações religiosas, geralmente, uma vez no ano, no mês de novembro, que é dedicado à Nossa Senhora das Graças.

Em 2020, o local chegou a ficar totalmente fechado no mês de março. Porém, em abril, Tiago passou a ir mais vezes e percebeu o interesse das pessoas aumentar. Dessa forma, conseguiu mais voluntários e doadores para uma reforma no mesmo ano e para a manutenção das melhorias. Igualmente, recebeu mudas de plantas e frutas que foram plantadas nos arredores da propriedade.

A Ermida “Nossa Senhora das Graças” é um refúgio para as pessoas que buscam encontrar a paz interior, a natureza e o conforto divino.

Galeria

Galeria

Como chegar

São aproximadamente 5,8 km em estrada de terra partindo do Centro de São Tiago. O Trecho é muito utilizado para caminhadas e passeios de bicicleta com paisagens de tirar o “fôlego”.